Bares são interditados na sede e zona rural de Coité após descumprimento de decreto

 


Uma ação conjunta entre a Vigilância Sanitária e a Guarda Municipal, com o apoio da Polícia Militar, fiscalizou estabelecimentos comerciais não essenciais, que estavam funcionando na sede e zona rural de Coité.

Os órgãos receberam inúmeras denúncias sobre aglomerações e descumprimentos dos decretos em vigor, inclusive sobre bares com funcionamento interno e a venda de bebida alcoólica.

A ação teve início na sexta-feira, 05, com fechamento de quatro bares na sede e no distrito de Almas, enquanto no sábado em Canta Galo um bar funcionava e descumpria o decreto. A equipe ainda esteve em Salgadália, Cantinho e Santa Rosa.

No domingo,07, foram denunciados estabelecimentos no povoado Tabuleiro, que teve duas interdições. A fiscalização também atuou nos povoados Cantinho, Santa Rosa e Cipó de Leite e no bairro Terra Nova.

No total, 07 estabelecimentos foram interditados e em caso de reincidência deverão pagar multas.