Militar morto em Teofilândia levou a família pra conhecer parentes da namorada

  


O policial militar Alberto David Duarte dos Santos, 27 anos, morto na noite de sábado, 13, após receber dois disparos de arma de fogo depois de discutir com o criminoso na comunidade rural Bola Verde no município de Teofilândia, estava visitando a sua namorada juntamente com seus familiares.

No primeiro momento não tivemos informações detalhadas sobre o desentendimento que levou a óbito o soldado que era lotado na 40ª CIPM (Companhia Independente da Polícia Militar) do Bairro Nordeste de Amaralina, em Salvador. No entanto a informação que chegou até a imprensa  no decorrer do dia é de que   o militar namorava uma jovem no Povoado Bola Verde e que haveria uma confraternização em família, David tinha levado alguns membros da família da capital para apresentar os familiares da namorada, e em um determinado momento ele foi até um bar do povoado e se desentendeu com um individuo e tentou dispersar o mesmo fazendo alguns disparos para cima e em seguida retornou para a casa da namorada onde as famílias estavam reunidas, quando foi surpreendido com a presença do individuo que se desentendeu minutos antes, acompanhado de outros comparsas e já chegaram atirando.

Por: Calila Notícias