Riachão: Morre Wilson Carneiro, ex-empresário do ramo de sisal

 



Morreu nesta segunda-feira, 24 de maio, em sua residência, em Salvador, o ex-empresário Wilson José Carneiro, também conhecido por Seu Vilson. Ele tinha Alzheimer e há muitos anos não saia de casa. 

Seu Vilson foi um dos maiores empreendedores do município de Riachão do Jacuípe, fundador da empresa do ramo de sisal Wilson José Carneiro & Cia Ltda, com dois depósitos de produção na Rua Barão do Rio Branco e na Bela Vista, além de escritórios no centro de Riachão e no bairro Comércio, em Salvador, de onde direcionava as exportações.  

Nos tempos áureos da produção, nas décadas de 70 e 80, a sua empresa chegou a ser considerada a quarta maior exportadora de sisal da Bahia. Nesse período, dezenas de funcionários trabalhavam na produção, além de absorver muitos jovens no escritório de contabilidade, localizado no centro de Riachão.  

Além de grande empresário, Wilson Carneiro também gostava de política, embora não tenha se candidatado a cargo eletivo. Foi um dos maiores aliados do ex-deputado Eliel Martins.  

Homem simples e de bom coração

Religioso, Seu Vilson era devoto de Santa Rita. Em Riachão do Jacuípe, familiares, amigos e ex-funcionários lamentaram muito a sua partida, já que tinham um carinho muito grande por ele. Pelas redes sociais alguns se manifestaram, relembrando fatos marcantes vivenciados com ele.   

“Era um homem muito bom, religioso, muito caridoso e, acima de tudo, simples. No Alto do Cruzeiro, nas ruas Barão do Rio Branco e 8 de Dezembro muita gente gostava dele, porque ajudou muito àquelas pessoas”disse uma amiga da família que pediu para não se identificar.  

Seu Vilson era casado com a Professora Altamira, com quem teve três filhos: Wilsinho, Rogério e Williane (está já falecida). O corpo foi sepultado no cemitério de Riachão do Jacuípe, por volta das 10h desta terça-feira.  

A Prefeitura de Riachão do Jacuípe, em nota, decretou luto oficial por três dias.