Bahia supera o Operário fora de casa e emplaca 3º triunfo seguido na Série B

 

No frio de Ponta Grossa, o Bahia conquistou o seu terceiro triunfo consecutivo nesta Série B. Dentro do estádio Germano Krüger na noite deste sábado (11), o Esquadrão superou o Operário por 1 a 0 com gol marcado por Lucas Mugni.

Com o resultado, o Tricolor vai aos 25 pontos e segue na segunda posição da competição nacional. O time volta a jogar na próxima terça-feira (14), às 19h, contra a Chapecoense na Arena Fonte Nova.

O JOGO
Os primeiros minutos da partida foram marcados pela falta de criatividade das duas equipes e pouca efetividade quando a bola chegava no campo ofensivo. Aos 23 minutos, por exemplo, Mugni recebeu com liberdade na grande área e finalizou para longe do gol.

O Operário tentou de longe com Ricardinho, que mandou uma bomba e o goleiro Danilo Fernandes defendeu em dois tempos.

A equipe de Guto Ferreira assustou aos 33. Na entrada da área, Djalma finalizou com força e o goleiro Vanderlei rebateu com o pé. Três minutos depois, Rildo finalizou colocado e Vanderlei espalmou.

Segundo tempo

O Bahia começou a segunda etapa com espaço no ataque e perdendo boas oportunidades. Aos dez minutos, Rildo recebeu com liberdade, cortou e mandou por cima.

Aos 20 minutos, foi a vez do Operário. Fernando Neto passou para Silvinho, que bateu forte para o goleiro Danilo Fernandes espalmar.

A equipe tricolor continuou em cima aos 25, Rodallega finalizou de fora da área e a bola passou sobre a meta.

Lucas Mugni abre o placar
O Esquadrão saiu na frente aos 35 minutos. Após sobra no vico da grande área, Mugni bateu rasteiro, a bola desviou no defensor no Operário e morreu no fundo do barbante.

Em vantagem numérica por conta da lesão de Alemão, o Bahia soube administrar bem os minutos finais e conseguiu voltar a vencer como visitante na competição.

FICHA TÉCNICA
Operário 0 x 1 Bahia
Série B - 12ª rodada
Local: Germano Krüger, em Ponta Grossa
Data: 11/06/2022 (sábado)
Horário: 18h30
Árbitro:  Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Jean Marcio dos Santos e Lorival Candido das Flores (ambos do RN)
VAR:  Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)
Cartões amarelos: Djalma e Luiz Henrique (Bahia)
Gol: Lucas Mugni (Bahia)

Operário: Vanderlei; Thales (Giovanni Pavani), Reniê e Fagner Alemão; Arnaldo (Lucas Mendes), Ricardinho, Fernando Neto (Tomas Bastos), Rafael Chorão (Felipe Saraiva) e Fabiano; Silvinho e Paulo Sérgio (Júnior Brandão). Técnico: Claudinei Oliveira.

Bahia: Danilo Fernandes; Douglas Borel, Luiz Otávio, Ignácio e Djalma; Emerson Santos, Mugni (Lucas Falcão) e Daniel (Gregory); Rildo (Jacaré), Raí Nascimento (Davó) e Rodallega (Luiz Henrique). Técnico: Guto Ferreira.

Postar um comentário

0 Comentários