Radialista Amando Santos avalia campeões estaduais


Terminados os campeonatos regionais, vou fazer um breve comentário. Em grande parte do país os times que ficaram com o título, fizeram por merecer e a rigor, não vi surpresas.

Aqui na Bahia já se esperava que o tricolor da capital ficasse com a taça, haja vista ter o melhor elenco e fez bons investimentos. Talvez o título fosse conquistado com mais facilidade, mas o Bahia de Feira deu trabalho. No domingo passado estava vencendo e cedeu o empate aos 52 minutos do segundo tempo. No dia hoje, a vitória veio em cobrança de pênalti. Placar final de 1 a 0 para o Bahia. O importante é o título.

Quem me conhece sabe que sou Vitória de coração, mas nunca neguei a minha simpatia pelo Flamengo, como tive pelo Santos no tempo de Pelé. Hoje me lembrei de uma frase do saudoso Jorge Cury, da Rádio Globo do Rio. Flamenguista roxo, ao final de um campeonato carioca, onde o Flamengo venceu, ele disse: "O Flamengo não deve e não pode perder. Quando o Flamengo é campeão, o Brasil inteiro se alegra". Sábias palavras de Jorge Cury. Assisti os dois jogos finais, como vi quase todos os jogos do Mengão no Carioca. O time fez excelentes contratações, no intuito de ganhar tudo que disputar, se vai conseguir, só Deus sabe.

Dá gosto ver Arrascaeta, Diego Alves (goleiro), Léo Duarte, Rodrigo Caio, Renê, Cuéllar, Evérton Ribeiro e Bruno Henrique jogarem. Todo o elenco é muito bom, mas eu destaco esses que citei. Alerta aos torcedores do Bahia: o brasileirão vem aí, com esse futebol que o Bahia vem apresentando nos últimos jogos, não vai dar nem pra começar quando enfrentar o Flamengo. Como diz o hino do clube: "eu teria um desgosto profundo, se faltasse o Flamengo no mundo".

Chupa Vasco bacalhau da Colina! kkkkk