Acusado de dirigir bêbado, taxista envolvido em acidente que matou homem entre Santaluz e Queimadas é preso por homicídio culposo

O taxista Floriano Avelino Silva dos Santos, de 49 anos, foi preso após se envolver em um acidente ocorrido na noite de domingo (21) que causou a morte de um homem identificado como Geovânio Machado da Silva, conhecido como ‘Gil’. Os carros que ambos dirigiam colidiram frontalmente na rodovia BA-120, trecho entre os municípios de Santaluz e Queimadas, próximo a entrada da estrada que dá acesso ao povoado Junco. Gil, que morava em Queimadas, morreu no local do acidente após ser arremessado do carro, que capotou e saiu da pista.

 Apesar da gravidade do acidente, Floriano não sofreu ferimentos. Ele foi socorrido e levado para o hospital da cidade, onde teve embriaguez constatada por uma médica plantonista, e ficou sob custódia da Polícia Militar enquanto permaneceu internado em observação. Após deixar a unidade de saúde, o taxista foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Valente, onde ficou à disposição da Justiça. Conforme a polícia, ele responderá por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. A investigação está sendo conduzida pelo delegado Getúlio Paranhos, substituto da Delegacia Territorial de Santaluz.