PM flagra venda de animais silvestres e 50 pássaros são resgatados em Serrinha




Ao menos 50 pássaros silvestres que seriam vendidos na conhecida "feira do rolo", em Serrinha, foram apreendidos na manhã deste sábado (23). De acordo com informações, os animais estavam presos em seis gaiolas e seriam repassados a preços populares.

A apreensão ocorreu por volta das 9h30, na Avenida Manoel Novais, após denúncia anônima. Segundo a Polícia Militar, as pessoas que comercializavam os animais fugiram com a chegada dos agentes ao local onde ocorria o comércio e ninguém foi autuado.

Os animais foram devolvidos à natureza. Os policiais soltaram os pássaros na região do povoado Subaé, em local não revelado.

Crime ambiental - Configura crime ambiental o indivíduo que manter animais silvestres presos em cativeiro sem a devida autorização do órgão competente.

Dependendo do caso, o autor da infração pode sofrer pena de seis meses a um ano de reclusão, além de multa que varia de R$ 500 a R$ 5 mil por animal, que pode se agravar ainda mais se o animal silvestre estiver em extinção.

Quem tiver informações pode denunciar o crime ambiental através do telefone do Centro Integrado de Comunicações (CICOM) 190.


Animais foram devolvidos à natureza