Araci: jovem é preso e confessa que matou o tio e queimou o corpo para roubar R$ 1,7 mil da vítima



A Polícia Civil de Araci, na região sisaleira da Bahia, prendeu um jovem identificado como ‘Biguinha’, de 26 anos, acusado de roubar e matar o próprio tio, um homem de 56 anos, cujo corpo foi encontrado carbonizado e com perfurações de faca, na manhã de segunda-feira (22), na estrada que liga os distritos Tapuio e Pedra Alta, zona rural do município

De acordo com a Polícia Civil, ele confessou o crime e disse que roubou R$ 1,7 mil da vítima, sendo que R$ 1.550 foram recuperados pela polícia. Ainda de acordo com a polícia, o jovem contou que desferiu golpes de faca no tórax e no pescoço da vítima e queimou o corpo para dificultar a identificação. ‘Biguinha’ foi encontrado no povoado Várzea da Pedra, que fica no limite territorial com a cidade de Santaluz, e encaminhado à delegacia de Araci, onde foi autuado em flagrante por latrocínio e ocultação de cadáver.