Após tombo recorde, vendas do comércio cresceram 13,9% em maio, diz IBGE

Após tombo recorde, vendas do comércio cresceram 13,9% em maio, diz IBGE
Foto: Divulgação
As vendas do comércio varejista tiveram um crescimento de 13,9% em maio, na comparação com o mês anterior, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A alta acontece após um tombo recorde em abril e representa a maior alta da série história da pesquisa, que se iniciou em 2000.

Apesar do avanço, o resultado foi insuficiente para o setor se recuperar da perda de 19,1% no acumulado em março (-2,8%) e abril (-16,3%), consequência das medidas de isolamento social para conter a proliferação do coronavírus. Vale ressaltar que o IBGE revisou o resultado de abril, anteriormente divulgado com -16,8 de queda.

Na comparação com maio de 2019, o varejo brasileiro teve queda de 7,2%, terceira taxa negativa consecutiva, evidenciando o nível ainda bem baixo da atividade do setor.

“Foi um crescimento grande percentualmente, mas temos que ver que a base de comparação foi muito baixa. Se observamos apenas o indicador mensal, temos um cenário de crescimento, mas ao olhar para os outros indicadores, como a comparação com o mesmo mês do ano anterior, vemos que o cenário é de queda”, afirma o gerente da pesquisa da Reuters, Cristiano Santos. A projeção era da Reuters era de alta de 6% na comparação mensal.