Professora de Valente que atuou por quase 10 anos em Coité morre em consequência da Covid-19

 


Morreu na manhã deste domingo, 17, no Hospital Espanhol, em Salvador, a professora Maria de Fátima Cunha de Oliveira, 38 anos, moradora da cidade de Valente no Território do Sisal.

Celita Lima de Oliveira colaboradora do Sicoob Coopere, prima de Maria de Fátima, disse ao Calila Notícias que a professora foi infectada pelo novo Coronavírus há três meses e se recuperou, porém na semana passada voltou apresentar febre e falta de ar, na sexta-feira, 15, a mesma foi levada para o Hospital Municipal José Mota Araújo, “foi feito novo exame e constatou que ela estava de Covid novamente. Ela apresentava dificuldade de respirar e foi transferida para o Hospital Espanhol, ontem [sábado] o quadro de saúde dela se agravou com a paralisação dos rins, ela também era hipertensa”, afirmou.

Maria de Fátima era professora concursada atuou durante os oito anos do Governo Assis como coordenadora da Educação do Campo em Coité.

Ela deixa esposo e uma filha de 11 anos.

Numa postagem na sua página do Facebook, Maria de Fátima mostra-se muito favorável a vacina para prevenir a Covid-19, e narra o drama de ter perdido o olfato e paladar três meses depois, esta publicação aconteceu no dia 9 de janeiro.