Acidente grave na BR-324 em Riachão do Jacuípe deixa três pessoas feridas com gravidade; números de acidentes no trecho assusta

 

A manhã desta segunda-feira (6) marcou o registro de mais um acidente na BR-324 (Rodovia Lomanto Júnior) que corta a cidade de Riachão do Jacuípe. O acidente foi uma batida entre um Fiat Siena e um Fiat Uno Mille de dados não informados. No Mille seguia um casal que não teve os nomes divulgados, a situação mais grave foi a da passageira que sofreu graves escoriações e um corte profundo na testa.

Já no Siena seguia apenas o motorista que também não teve nome divulgado, este o mais grave de todos, com suspeita de hemorragia interna e fraturas graves no tórax e fêmur. 

Os Socorristas Voluntários da Brigada Anjos Jacuipenses foram acionados e ao chegar no local prestaram o atendimento às vítimas que foram todas encaminhadas ao Hospital Municipal de Riachão do Jacuípe, onde seguem em atendimento. Nossa reportagem tentou contato com a unidade para saber a situação de momento das vítimas, mas o número oficial de contato da unidade não está funcionando.

A colisão aconteceu por volta das 7h da manhã, pela situação dos veículos, aparentemente o Siena entrou na frente do Mille que bateu na lateral do mesmo, o lado do passageiro do Siena ficou completamente destruído (fotos), mas só uma perícia poderá avaliar o que de fato ocorreu. 

Nossa redação não teve informações se os carros e seus condutores e a passageira são de Riachão do Jacuípe, nem qual era o destino de ambos. Segundo um dos socorristas, a mulher ferida disse ser daqui da cidade, mas estava muito desorientada e confusa por conta dos ferimentos.

Com este acidente, sobe para 54 o número de ocorrências neste trecho apenas no ano de 2021. A rodovia que tem aproximadamente 130 Km entre o entroncamento do Trevo até a cidade de Capim Grosso é campeã em ocorrências na região, o trecho mais preocupante e que mais marcou pelas tragédias envolvendo acidentes com mortes é este que fica entre o povoado do São João e a cidade de Riachão do Jacuípe, em especial a faixa de quilômetros entre a ponte do Rio Tocós até a entrada da cidade, nesta extensão da rodovia já foram mais de 15 mortes ao volante apenas em 2021.  
 
Por Alana Rocha | Hora da Verdade / Fotos: Anjos Jacuipenses

Postar um comentário

0 Comentários