Serrinha e Região: Confira as últimas ocorrências policiais na área de atuação do 16ºBPM divulgada hoje, 28 de dezembro.

 


A Polícia Militar do 16ºBPM/Serrinha, divulgou nesta terça-feira, dia 28 de dezembro, as últimas ocorrências policiais em sua área de atuação, o qual abrange 14 municípios da região. Foram 04 registros e todos relacionados ao crime contra a mulher (Maria da Penha), os quais ocorridos em Serrinha e Araci. Confira.

SERRINHA - Maria da Penha:  

Por volta de 00:21 de ontem, 27 de dezembro, o CICOM/Serrinha solicitou que uma guarnição PM verificasse a entrada de uma mulher na emergência do Hospital Municipal de Serrinha, vítima de violência doméstica. No hospital os policiais militares identificaram a vítima, mulher de 25, residente no Povoado Alto da Bandeira em Serrinha, relatando que houvera um desentendimento com seu companheiro, um homem de 27 anos, e que ele a empurrou fazendo-a cair ao solo, resultando em um grande e profundo corte na cabeça. O vigilante do hospital relatou que a mulher chegou ao hospital acompanhada de seu agressor, que ao perceber que uma guarnição PM foi acionada pela equipe médica, ele evadiu-se do local. A jovem foi orientada a registrar a queixa na DP, mas ela afirmou não ter interesse.

SERRINHA - Maria da Penha:

Por volta de 01:10 de ontem, 27 de dezembro, uma mulher de idade ignorada compareceu na sede da 1ª Cia relatando que seu ex-companheiro estava lhe perseguindo e que ele a encontrou no Bar Ibiza na praça Astrogilda Guimarães (GINÁSIO), onde se aproximou e rapidamente tomou o celular de suas mãos. Ainda segundo esta mulher, seu ex-companheiro tentou abordá-la na saída do referido bar no momento em que ela entrava em seu veículo, mas foi contido por seus amigos e primos que interviram ao perceberem que ela estava sendo agredida verbalmente pelo homem. Por fim, disse que na saída o agressor arrancou bruscamente com a moto, vindo a cair ao solo e continuou fazendo ameaças. Nesse momento, ela se deslocou até a sede da 1ª Cia para pedir apoio e ao embarcar na viatura o agressor se apresentou pedindo apoio aos policiais, pois estava com o pé machucado. Isto posto, o agressor ferido no acidente foi conduzido ao Hospital Municipal para receber os primeiros cuidados e a mulher foi à DP para registro de ocorrência. A motocicleta do agressor de 27 anos, também foi apresentada na Delegacia. 

ARACI - Maria da Penha:

Por volta da 12:00 de ontem, 27 de dezembro, a guarnição recebeu uma denúncia anônima através do telefone funcional dando conta de que um individuo estava há dois dias agredindo uma mulher em um imóvel localizado na Rua Cosme A. Dantas, no Tanque da Nação,  em Araci. De imediato a guarnição se deslocou até o endereço indicado, confirmando a veracidade da informação, pois a dona do imóvel afirmou que seu filho havia chegado de Salvador recentemente, fugindo do tráfico de drogas, pois estaria sendo ameaçado por traficantes daquela cidade e que estava escondido em sua casa junto com sua companheira. A vítima das agressões de 15 anos estava no imóvel e narrou que desde ontem estava sendo agredida fisicamente pelo companheiro e que queria voltar para Salvador, porém ele não permitia. A vítima apresentava um hematoma em uma das pernas e o agressor apresentava lesões nas costas, afirmando terem sido causadas por sua esposa. Diante do exposto, os policiais militares deram voz de prisão ao acusado de 20 anos, sendo apresentado a autoridade policial que determinou a lavratura do auto de prisão em flagrante.

SERRINHA - Maria da Penha:

Por volta das 17:30 desta segunda-feira (27/12), a guarnição da Ronda Maria da Penha recebeu informação de que um homem havia sido notificado acerca de uma Medida Protetiva de Urgência em seu desfavor, contudo ainda não havia deixado a residência da vítima, sua filha de 15 anos, descumprindo, dessa forma, a distância mínima estipulada pela Juíza de Direito. A guarnição, então, fez contato com a vítima e se deslocou até o local, encontrando o agressor nas proximidades. Verificando tratar-se de situação de flagrante de descumprimento de Medida Protetiva de Urgência, com base no artigo 24-A da Lei 11340/06 (Lei Maria da Penha), o acusado e a vítima, acompanhada da sua mãe, foram apresentados na 15ª Coorpin, para a adoção das medidas cabíveis. 

Mais proteção para as mulheres que mais precisam!  

PMBA, uma Força a serviço do cidadão!

Postar um comentário

0 Comentários