Após as mortes, 25 presos do Conjunto Penal de Feira de Santana são transferidos para Serrinha

 

Pelo menos 25 detentos foram transferidos do Conjunto Penal de Feira de Santana para a Penitenciária de Segurança Máxima, em Serrinha. A transferência foi motivada após as mortes de três detentos da unidade, na madrugada do último domingo, 8.

Divergências entre grupos rivais na unidade do pavilhão 8, terminou na morte dos três detentos, que eram integrantes de uma facção criminosa.

Júlio César da Silva Rocha, de 31 anos; Everson Avelino de Jesus, de 23; e Marcos Antônio Vitória Nunes, de 32 foram os mortos.

Neste domingo o banho de sol foi suspenso. Os presos suspeitos negam envolvimento nos crimes.

Postar um comentário

0 Comentários